Unimed-BH vai integrar dados de seus pacientes com HealthKit da Apple

Da Redação
11/09/2014 - 08h28 - Atualizada em 14/09/2014 - 15h15
Unificação do sistema de informações dos clientes e possibilidade de integrar ao app permitirá ao paciente ter recomendações de qualidade de vida

A Unimed-BH está integrando a nova versão do seu Guia Médico para integração com o aplicativo HealthKit, da Apple. A ferramenta da Apple permite monitorar a saúde e o bem-estar do usuário e foi desenvolvida para o iOS 8 e permite a integração de diferentes aplicativos de saúde instalados no iPhone.

No caso da Unimed-BH, a empresa informa que o usuário de iPhone poderá inserir dados vitais como frequência cardíaca, taxas de açúcar no sangue, peso ou até mesmo calorias ingeridas e queimadas e autorizar o compartilhamento das informações com o Guia Médico da Unimed-BH. A plataforma da Cooperativa já está montada para receber essas inserções e, com base nelas, desenvolver programas específicos para diferentes segmentos de saúde, aprimorando cada vez mais a qualidade da assistência prestada.

 Para o coordenador médico de TI da Unimed-BH, Gustavo Landsberg, a iniciativa da Cooperativa em integrar o seu sistema com o HealthKit mostra a importância do que hoje é chamado de "empoderamento"(ou empowerment, em inglês). “Acreditamos que o paciente deve ter acesso a informações sobre sua saúde que permitam a ele tomar melhores decisões a respeito da sua própria vida. A transparência no compartilhamento das informações do paciente é uma tendência na medicina que a Unimed-BH quer seguir”, revela.

Uma funcionalidade do HealthKit é o cartão de emergência, que, mesmo com a tela bloqueada, mostrará informações vitais do usuário, como remédios tomados, problemas de saúde que ele tem ou para quem ligar em caso de urgência. Futuramente, o paciente também poderá compartilhar seus dados clínicos com seu médico, por meio do prontuário eletrônico. 

Esse é um projeto da Unimed-BH, que visa inserir o aplicativo na rotina da rede de serviços próprios da Cooperativa, aproximando cada vez mais a relação médico-paciente. Ao monitorar a pressão arterial ou o nível de glicose do usuário, por exemplo, o HealthKit poderá comunicar qualquer alteração ao médico. 

A expectativa é que uma integração similar seja desenvolvida também para dispositivos Android.

Assine a Newsletter. É rápido. É grátis.

Mais reviews

iPhone 5

iPhone 5

  • Nota da Macworld
  • Nota do Leitor
  • 6.0

Melhora o que já era bom, com tela maior, chip mais rápido e design menor.

Mudança para o Lightning é desagradável no início; novo chip nano SIM também obriga nova compra ou adaptação; falta de suporte 4G no Brasil (por enquanto)

iPad Mini

iPad Mini

  • Nota da Macworld
  • Nota do Leitor
  • 3.9

Maior parte da experiência do iPad em pacote mais leve e fino; suporte nativo para todos os apps do iPad; ótimo desempenho, construção e design

Não possui tela Retina; alguns sites e apps parecem "apertados" na tela menor; teclado em modo paisagem é muito pequeno para uma digitação fácil