Nova Apple TV chega ao Brasil com preços a partir de R$1.350

Da Redação
26 de outubro de 2015 às 15h00
Mais novo modelo da set-top box da empresa tem suporte para a Siri e controle remoto com toucshcreen. Aparelho custa entre US$150 e US$200 nos EUA.

A Apple surpreendeu ao lançar a nova Apple TV no Brasil nesta segunda-feira, 26/10, mesma data em que o produto começa a ser vendido nos EUA.

No entanto, a boa surpresa parou por aí já que a nova versão da set-top box da empresa desembarcou em nosso país com os preços altos que já viraram rotina.

Com preços entre 150 dólares (32GB) e 200 dólares (64GB) nos EUA, a nova Apple TV chega ao Brasil custando entre 1.350 reais (32GB) e 1.750 reais (64GB).

Já disponível na loja online da Apple Brasil, o gadget tem previsão de entrega que varia entre 2 e 3 semanas.

Novo modelo

Com um visual parecido com o modelo anterior, o novo set top box da empresa de Cupertino está cheio de novidades na parte de dentro.

Entre os novos recursos estão uma melhor experiência para os usuários, uma loja de aplicativos (com games, apps de conteúdo e muito mais), papéis de parede em vídeo em HD e um novo sistema chamado tvOS, que é baseado no iOS, mas feito para a sua sala, como afirmou a Apple na apresentação.

Além disso, a Apple TV também ganhou um novo modelo do controle remoto. Agora, o Remote (foto abaixo) conta com mais botões e possui suporte touchscreen. 

Outra grande ferramenta que chega com a nova Apple TV é o suporte para o Siri na Apple, seja para fazer buscas por filmes, atores, avançar ou retroceder trechos de programas, entre outras coisas.

Assine a Newsletter. É rápido. É grátis.

Mais reviews

iPhone 5

iPhone 5

  • Nota da Macworld
  • Nota do Leitor
  • 6.0

Melhora o que já era bom, com tela maior, chip mais rápido e design menor.

Mudança para o Lightning é desagradável no início; novo chip nano SIM também obriga nova compra ou adaptação; falta de suporte 4G no Brasil (por enquanto)

iPad Mini

iPad Mini

  • Nota da Macworld
  • Nota do Leitor
  • 3.9

Maior parte da experiência do iPad em pacote mais leve e fino; suporte nativo para todos os apps do iPad; ótimo desempenho, construção e design

Não possui tela Retina; alguns sites e apps parecem "apertados" na tela menor; teclado em modo paisagem é muito pequeno para uma digitação fácil