Viajantes são presos em aeroporto do RJ com 30 iPhones 7 colados no corpo

Da Redação
07 de outubro de 2016 às 14h22
Segundo a Receita Federal, os aparelhos apreendidos eram todos dos novos e recém-lançados iPhone 7 e 7 Plus, ainda sem previsão de lançamento no Brasil.

Quatro passageiros foram presos nesta semana ao tentarem passar pela Alfândega da Receita Federal do Aeroporto Internacional do Galeão, RJ, com 30 iPhones presos aos seus corpos.

De acordo com a Receita Federal, todos os smartphones apreendidos eram dos modelos iPhone 7 e 7 Plus, que acabam de ser lançados nos EUA e ainda não tem previsão para chegar ao Brasil.

A apreensão aconteceu após a equipe da Alfândega monitorar um dos passageiros por duas semanas e, depois de acompanhá-lo na área das esteiras de bagagens, ter identificado os outros três envolvidos na tentativa fracassada de burlar a fiscalização do órgão federal.

Os quatro viajantes traziam apenas uma mala cada, onde tinham os acessórios dos iPhones, como fones de ouvido, cabos e carregadores. Depois de serem abordados pelas autoridades, todos foram revistados, quando a Receita encontrou os smartphones da Apple, que estão avaliados em cerca de 100 mil reais.

Os quatro foram presos em flagrante pela prática dos crimes de descaminho e formação de quadrilha. Com isso, todos os iPhones foram retidos para aplicação da pena de perdimento, conforme prevê a regulamentação em vigor, aponta a Receita.

Assine a Newsletter. É rápido. É grátis.

Mais reviews

iPhone 5

iPhone 5

  • Nota da Macworld
  • Nota do Leitor
  • 6.0

Melhora o que já era bom, com tela maior, chip mais rápido e design menor.

Mudança para o Lightning é desagradável no início; novo chip nano SIM também obriga nova compra ou adaptação; falta de suporte 4G no Brasil (por enquanto)

iPad Mini

iPad Mini

  • Nota da Macworld
  • Nota do Leitor
  • 3.9

Maior parte da experiência do iPad em pacote mais leve e fino; suporte nativo para todos os apps do iPad; ótimo desempenho, construção e design

Não possui tela Retina; alguns sites e apps parecem "apertados" na tela menor; teclado em modo paisagem é muito pequeno para uma digitação fácil