Brasil perde posto de iPhone mais caro do mundo

Da Redação
04 de maio de 2017 às 17h31
Segundo novo levantamento do Deustche Bank, país agora foi para a segunda colocação, atrás da Turquia. Completam o Top 5 Rússia, Grécia e Polônia.

Após anos e anos de liderança incontestável, o Brasil surpreendentemente perdeu o posto de ‘iPhone mais caro do mundo’, segundo o novo relatório anual “Mapping the World’s Prices”, do Deutcsche Bank. As informações são do Business Insider.

De acordo com o levantamento do banco alemão, o Brasil caiu para a segunda colocação no ranking de ‘iPhone Mais Caro do Mundo’, que agora tem a Turquia em um primeiro lugar. 

Além da alta do dólar pelo mundo, a instabilidade política da Turquia também contribuiu para essa mudança nas primeiras posições do ranking. 

Um iPhone 7 custa cerca de 1.200 dólares na Turquia, um pouco mais do que os 1.115 dólares, em média, do Brasil, segundo o relatório - os preços são referentes ao iPhone 7 de 128GB. O top 5 traz ainda Rússia, Grécia e Polônia, todos com preços acima dos 1 mil dólares. 

“Se você estiver na Turquia, Brasil, Rússia ou Grécia em um feriado, tente evitar a Apple Store, uma vez que os iPhones nesses países custam entre 25% e 30% a mais do que nos EUA, que continua sendo o lugar mais barato para comprar o aparelho”, afirma o estrategista do Deustche Bank, Jim Reid.

Confira abaixo as primeiras 15 posições do ranking do iPhone Mais Caro do Mundo, do banco alemão.

 

rankingiphone2017.jpg

Assine a Newsletter. É rápido. É grátis.

Mais reviews

iPhone 5

iPhone 5

  • Nota da Macworld
  • Nota do Leitor
  • 6.0

Melhora o que já era bom, com tela maior, chip mais rápido e design menor.

Mudança para o Lightning é desagradável no início; novo chip nano SIM também obriga nova compra ou adaptação; falta de suporte 4G no Brasil (por enquanto)

iPad Mini

iPad Mini

  • Nota da Macworld
  • Nota do Leitor
  • 3.9

Maior parte da experiência do iPad em pacote mais leve e fino; suporte nativo para todos os apps do iPad; ótimo desempenho, construção e design

Não possui tela Retina; alguns sites e apps parecem "apertados" na tela menor; teclado em modo paisagem é muito pequeno para uma digitação fácil